SEJA MUITO BEM VINDO!

Bem pessoal,

Dei início à este blog para falar especialmente de literatura. Falar, na verdade, de arte em geral. Coisas que tanto gosto e com as quais tanto me identifico. O blog não é tão movimentado, mas de vez em quando passo por aqui e deixo uma declaração, um texto, um poema... Não se acanhe. Fique à vontade e deixe um comentário. Cedo ou tarde ele será respondido.

Grande abraço a todos.

Quem sou eu

Minha foto
Pós-graduando em Letras, Português e Literatura pelo Instituto Pedagógico de Minas Gerais; MBA em Gestão Estratégica de Pessoas pela Faculdade SENAC-MG. Licenciado em Letras com dupla habilitação em Inglês e Português pela Faculdade Pitágoras de Belo Horizonte; professor de ESL (English as a Second Language) com certificado TESOL (Teacher of English for Estudents of Other Languages) pela San Diego University for Integrative Studies, Califórnia; professor de Inglês na Secretaria Municipal de Educação de Vespasiano; revisor de textos em língua inglesa e portuguesa.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

As três sombras (1.902-1.904) - Auguste Rodin


Sábado, dia 05 de setembro de 2009, fui à Casa Fiat de Cultura, junto com o pessoal da faculdade, apreciar algumas obras de Auguste Rodim e Marc Chagall. Foi uma experiência diferente, uma vez que, nunca havia visitado uma exposição de arte. A escultura acima é de Rodin e era a única da qual podiamos tirar fotos. Ao lado, havia uma placa a qual vou transcrever abaixo:

"Em 1.880, rodin recebeu uma encomenda oficial para fazer a porta de um futuro museu de artes decorativas. Provavelmente por sugestão do próprio artista, o tema escolhido foi Divina Comédia, de Dante. Fascinado pelo aspecto tenebroso do poema, Rodin se concentrou no "Inferno", deixando de lado o "Purgatório" e o "Paraíso". Obra de uma vida inteira, La Porte [A Porta] constitui a matriz a partir da qual emerge todo o universo rodiniano: assemblages, reduções, ampliações e repetições de figuras.
Esse trio que encima La Porte de I'enfer [A Porta do inferno] foi realizado a partir da reprodução de uma mesma personagem, uma variação de Adam [Adão], que, juntamente com Éve [Éva], emoldura a La Porte. Originalmente, as três figuras carregavam uma bandeirola com a frase de Dante: "Lasciate ogni speranza voi ch'entrate" ["Deixai toda esperança, vos que entrais"], que Rodin decidiu retirar, juntamente com as mãos. É evidente, aqui, a influ~encia exercida sobre ele pelas obras de Michelangelo, que Rodin teve a oportunidade de apreciar durante sua passagem pela itália, em 1.876."

Nenhum comentário:

Em princípio, para começarmos a movimentar o blog, que tipo de conteúdo você mais gostaria de ver por aqui?

Arquivo do blog